Ah minha Wrestlemania

E agora José?

Agora a gente segue, ora porras. Acabou, zé fini, se foi a Wrestlemania. Temos aí um Money in the Bank pela frente que, sinceramente, me traz ansiedade e medo. Não sei o que a WWE pode fazer para fuder o reinado do Kofi. Entretanto, o que mais me deixa feliz é saber que o Kofi tem um reinado.

S.O.S meus amigos, eu quase precisei dessas três letras porque o infarto estava bem perto. Foi uma noite de altos e baixos e eu não estou aqui para resumi-la ao seu bel prazer. O que eu vim fazer é falar somente isso:  Ah que saudades que eu já estou desta Wrestlemania!

Foi bonita, teve sua grande quantidade de merda que fez a gente sofrer, como de costume, mas fez o mais importante de tudo que foi ajeitar a casa.

Becky Lynch, Kofi Kingston e Seth Rollins.

Não me lembro a última vez que tivemos um plantel de campeões tão bom, talvez há uns três anos atrás e mesmo assim eu fico na dúvida. Junte isso aos campeões de tag, exclua os masculinos do Raw e temos aí um panteão respeitável.

Voltando ao poema, não sei para onde marchamos, mas a verdade é que a festa acabou e hoje todo mundo teve que ir para a escola ou para o trabalho.

Menos o Batista, esse se fudeu grandão mesmo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *