Prévia dos X-Games 2018

Na próxima quinta feira tem se inicio mais uma edição do principal evento no calendário dos esportes radicais os X-Games. Esse ano na sua 24 edição (sem contar as edições de inverno e secundarias), e o evento mais uma vez aterrissa na cidade de Mineapolis sendo novamente realizado no US Bank Stadium mais conhecido como a casa do Minessota Vikings.  Como de costume estarão presentes alguns dos principais atletas de BMX, FMX e Skate se digladiando em busca da tão sonhada vaga no pódio. Pensando nisso esse post tem o intuito de fazer uma pequena analise previa das competições da modalidade de BMX.(infelizmente não tenho “know-how” suficiente para analisar as competições de skate que tenho um conhecimento bem básico e menos ainda de FMX que as únicas coisas que sei são os nomes de algumas manobras que são mesmo do BMX)

(mais…)

Leia Mais

mc livinho

PIPE OFF: PNO 57# – Mark Ronson, Mc Livinho & HAIM

Esta no ar a quinquagésima sétima edição do PNO! E nessa edição, vamos ouvir um pouco de tudo do R&B ao Chaotic Hardcore. Então de o play e curta mais de 1 hora de musicas comandadas pelo Joker e o Lequinho.

 Playlist do Episódio

El Efecto – Carlos e Tereza
Primus – The Seven
ÀTTØØXXÁ – É SIM, DE VERDADE!
MC Livinho, Maejor e Gerex – Rebeca
HAIM – I’ll Try Anything Once(The Strokes cover)
Scale The Summit – Atlas Novus
Doomeye – Everyone’s dignity
Cove – Solis
Chromeo feat. French Montana & Stefflon Don – Don’t Sleep
Silk City(Diplo & Mark Ronson) feat. Daniel Merriweather – Only Can Get Better

LINKS COMENTADOS NO CAST
RPS 37# – Ariana Grande, Demi Lovato & Paul McCartney(25/06/2018)
Semanalfabeto 10# – Okada vs Omega: Uma história em quatro atos (ou mais)
Silk City Mixtape
Bitch Planet(HQ)
PMM
KV Music Beats
GO – Nigel Sylvester
Dan Mace

Leia Mais

PIPE OFF: PNO 56# – Kanye West, Bad Rabbits & L.I.F.T.

Esta no ar a quinquagésima sexta edição do PNO! E nessa edição, vamos ouvir um pouco de tudo do Rap ao Funkycore. Então de o play e curta mais de 1 hora de somzeiras comandadas pelo Joker e o Lequinho.

 Playlist do Episódio

Trophy Eyes – You Can Count On Me
L.I.F.T – Cassette Tapes
Amarionette – Modern Disco
Bad Rabbits – F on the J-O-B
Kids See Ghosts(Kanye West & Kid Cudi) feat. Louis Prima – 4th Dimension
BADBADNOTGOOD feat. Charlotte Day Wilso – In Your Eyes
Ric Wilson feat. Sen Morimoto – Split
Kanye West – All Mine
I the Mighty feat. Tilian Pearson – Silver Tongues
Slaves feat. Tilian Pearson – Winter Everywhere

LINKS COMENTADOS NO CAST

RPS 36# – Nicki Minaj, Luis Fonsi & Martin Garrix(18/06/2018)
Da Boca para Fora 2# – Não há tira (BLAM!) sem contexto
Joan Didion: The Center Will Not Hold
The Lonely Island Live

Leia Mais

PIPE OFF: PipeBomb 40# -Copa do Mundo! (e o que esperamos de 2018)

Primeiro podcast OFF oficial desta desgraça! Em uma empolgação inenarrável Léquinho (aaa), Joker (aaaa), Luan (aaaaa) e Captain (…) se juntam em uma megazord de desinformação para falar o que esperam da Copa do Mundo 2018 e quais suas lembranças mais queridas com relação a esse campeonato mundial.  Também é possível que vocês ouçam uma porrada de coisas que não estão nada relacionadas a seleção, mas sim a um outro time ai e também conheça os jogadores que tem o maior potencial para a violência.

Não se esqueça de nos seguir nas redes sociais (Twitter e Facebook) e, se possível, deixe seu comentário falando da Copa, do podcast ou sobre o que você quiser, meu querido e minha querida!


Até a Próxima Edição! Deixe seu comentário, seja criticando, dando dicas, e fazendo sua pergunta para nós respondermos na próxima edição!

 

Leia Mais

Da Boca para Fora 2# – Não há tira (BLAM!) sem contexto

Como as tiras de quadrinhos se relacionam com a situação política e social do Brasil

 

Arte não acontece no vácuo. O ato de sentar em uma cadeira frente à prancheta ou ao computador de Photoshop aberto não ocorre isolado do mundo; desse ambiente surgem, há mais de um século, as tiras em quadrinhos. No Brasil, desde Sisson, que retratatou os costumes amorosos do Rio de Janeiro de 1855, no primeiro quadrinho brasileiro, até Thaïs Gualberto com sua Olga, a Sexóloga, em que transmite a vida de uma mulher em 2018, as tiras sempre foram um fruto de sua época, da política do país e de sua situação social.

Será? (mais…)

Leia Mais