PIPE OFF: RPS 07# – 27/11/2017

Segunda como tradicionalmente edição nova do RPS no ar, nessa edição para ser sincero uma das piores em questão de lançamentos, pouca coisa relevante e muita coisa ruim. Então uma boa sorte e boa leitura a todos.

Kodak Black feat. Lil Wayne – Codeine Dreaming

O beat dessa musica é bem produzido, me lembro bastante Grime, embora seja um Rap Trap. Apesar disso eu não curti muito a musica em si, não gosto do Flow de nenhum dos dois rappers, mas acredito que quem curta um dos dois provavelmente vai gostar dessa musica.

Marmota – Indução

Para os fãs de Jazz esta ai uma boa pedida, excelente musica. Sem duvida não tem como não destacar as precisas viradas que é presente durante o andamento do musica, foi de longe o ponto que mais me chamou minha atenção.

Henrique & Diego – Escalada pra Jogar

A produção mistura Funk com EDM, na base do sertanejo. Gerando uma mistura tão agradável quanto mistura pinga barata com alguma outra bebida alcoólica de procedência duvidosa.

Maluma feat. French Montana – GPS

Basicamente é uma mistura de Rap Trap com R&B, nada de novo ou interessante, fora o fato que é o Maluma um cara do Reggaeton fazendo Trap.

Bjork feat. Arca – The Gate

Mais um bom lançamento da Bjork. Dessa vez a cantora aposta em sua especialidade uma balada bem doce, com uma construção que começa suave e vai ganhando peso a partir da progressão da voz da Bjork dentro da musica.

Gabriel Diniz part Wesley Safadão – Acabou Acabou

“Acabou Acabou” é a reação natural de todo mundo quando termina de escutar essa musica.

50 Cent feat. Jeremih – Still Think I’m Nothing

Ok, essa musica até que é boa, não sou exatamente um dos maiores fãs dos trabalhos do 50 Cent, mas ele acertou a mão nesse som. O Beat tá muito bom, a participação do Jeremih no refrão está ótima, e o 50 Cent com versos que não são só um monte de rima genérica ficou bem legal.

Diogo Nogueira – Coragem

A letra é meio batida e tal, chega dá uma cansada. Mas o Diogo Nogueira é um bom cantor, e o instrumental puxado para um samba velha guarda encaixou bem. No geral uma musica bem ok.

Carlinhos Brown part. Anitta – Africanitta

Anitta deu uns dois passos para trás, participando dessa musica do Carlinhos Brown. Bem ruim essa musica, Brown precisa para de querer misturar um monte de elemento nas musicas, porque não ta funcionando não.

Little Mix – Is Your Love Enough?

Bem aleatória essa musica, tipo de pop comum que deve tocar 1 mês nas rádios e depois vai ser esquecida. Assim fica fácil a competição pro Fifth Harmony.

DV Tribo part.FBC, Hot, Coyote Beatz, Doug Now – Tempo

Grande musica, todos os rappers muito bem nos versos com destaque para o Doug Now que na minha opinião tem um puta potencial. A produção também acerta, o beat utilizando elementos de Jazz para dar ambiente pra musica ficou bem legal.

Victor & Leo – Bom Tudo Pra Você

Som ruim para você.

James Arthur – Naked

Esse novo lançamento do James Arthur é basicamente uma tentativa de repetir o sucesso do seu grande hit “Say You Will Not Let Go”. E para isso o musico britânico repetiu os mesmo elementos enjoativos e manjados da musica anterior, do andamento lento que chega a ser maçante até a letra que tenta ser profunda, mas só é extremamente piegas.

Mc 2K – Na Maciota

Aula de Funk esse som, produção usando muito do tamborzão característico do Funk Carioca clássico, alem de uma porrada de sample. E a letra aquela bagaceira como tem que ser.

Noel Gallagher’s High Flying Birds – Be Careful What You Wish For

Difícil ter que ouvir mais uma musica que tem assinatura de um dos irmãos Gallgher. Rockzinho meio arrastado indo a uma pegada bem Rock Alternativo dos anos 80, o que não é nada de novo se tratando de um dos Gallaghers. Musica totalmente esquecível.

Gwen Stefani feat. Blake Shelton – You Make It Feel Like Christimas

Countryzinho Pop com temática de natal, musica bem padrão. Ao menos tem o Blake que é um cara com uma puta voz.

Jadu Heart feat. Mura Masa – U Never Call Me

Bem interessante essa musica souberam usar o Tropical House de uma forma bem diferente, encaixando umas melodias de Jazz que deram um toque cativante.

Craig David feat. Bastille – I Know You

O inicio da musica é bem interessante, apostando em uma levada que mescla EDM com R&B de uma forma bem fluida, o problema que com o andamento da musica ela vai caindo no problema recorrente dentro do EDM mais Pop que é aposta nos mesmo elementos genéricos que já deram o que tinha que dar. O Vocal do Batille também não ajuda muito, participação esquecível.

Kehlani – Already Won

Achei uma musica mediana, gosto da voz Kehlani e acho que ela é uma cantora de potencial, só falta um pouco de maturidade nos trabalhos que ela apresenta. Essa musica tem seus altos e baixos, acho o refrão um pouco chato, mas por suas vezes os momentos mais puxados pro Rap são muito bons.

Ebenezer – Survival

Olha ai uma boa surpresa, gostei bastante do trabalho do Ebenezer. Uma pega Rap Trap, mas cheia de elementos diferentes que dão uma cara bem única para a musica.

Robert Maia – Meu Mundo Acabou

Depois de ouvir essa musica o meu mundo acabou também.

blackbear feat. FNRD – anxiety

Imagina um Rap Trap produzido pelo The Chainsmokers, então é basicamente o que essa musica é. Agora você tira suas próprias conclusões sobre.

Hopsin – ILL MIND of HOPSIN 9


Grande lançamento do Hopsin, como de costume o rapper californiano manda muito bem nos versos, o cara sempre tem a palavra certa pra encaixar. A produção como não é surpresa também está muito boa, os chorus de fundo sem duvido é um ponto a se destacar.

Jake Paul feat. Gucci Mane – It’s Everyday Bro

Faz participação na musica de um Youtuber foi provavelmente a decisão mais errada que o Gucci Mane ja teve, e olha que o cara ja tatuou um sorvete de casquinha na bochecha.

Fat Tony – Son of God

Bom Rap, sem duvida não tem como não apontar como grande destaque o propipo Fat Tony que apresenta nessa musica diversos flows diferentes, dando uma cara bem única para o som .

Dahlia Sleeps – Rise

Bem interessante essa musica, instrumental consegue se impor bem na musica usando bastante dos sintetizadores para mostra bem as características Pop Alt do grupo, e os vocais conseguindo transmitir bem a idéia da excelente letra da musica.

Hungria Hip Hop – Não Troco

Duvido não trocar depois de ouvir um minuto dessas musica.

G-Eazy – Summer In December

Creio que essa musica seja uma grande resposta do G-Eazy para quem estava achando que o cara iria se render ao Pop. Sem duvida uma musica que surpreende, sem refrão, com um beat leve conduzindo pelo piano só para dar o ambiente para os versos jogados pelo Rapper. Depois dessa musica creio que vale a pena ficar de olho no disco novo do Rapper que sai no próximo mês.

Um comentário em “PIPE OFF: RPS 07# – 27/11/2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *