PIPE OFF: RPS 30# – Christina Aguilera, Charlie Puth & Travis Scott(07/05/2018)

Nova edição do RPS no ar, essa semana entre os lançamento temos Chrstina Aguilera, Charlie Puth, Travis Scott e muito mais. Então uma boa leitura a todos!

Christina Aguilera – Accelerate

Essa musica nos entrega dois lados totalmente diferentes, de um lado uma produção excelente que cria uma progressão mágica de elementos, e apesar de todas merdas ditas é impossível negar o talento para produzir que o Kanye West tem, o trabalho dele nessa musica é impecável. Agora do outro lado falando da protagonista da musica, Christina em nenhum momento consegue se encaixar com o beat, com uma apresentação bem pouca autoral.

LSD – Genius

Primeira musica do projeto em conjunto do Labrinth, Sia e Diplo. No geral achei uma musica ok, nada de muito especial comparado a outros trabalhos dos artistas. Ainda sim é uma musica divertida, os três conseguem colocar bem suas características musicais no som o que ajuda a musica a ter uma variedade de elementos. Acho que o melhor agora é aguarda pelos próximos lançamentos do grupo, porque apesar de essa musica não ter mostrado muito, esse é um projeto com muito potencial.

Mc Kevinho – Papum

Aquele troço chato que o Kevinho faz sempre.

Shawn Mendes feat. Khalid – Youth

Os dois cantores fazem um bom dueto, com umas melodias bem bonitas. O problema é que falta algo na produção que na junção com os vocais faça a musica ficar marcante para quem esta ouvindo.

Troye Sivan – Bloom

Nesse novo lançamento Troye deixa de lado um pouco a melancolia dos seus últimos lançamentos e entrega uma faixa bem mais dançante, uma musica com um beat suave, guitarras e sintetizadores bem anos 80 e uma levada vocal digna de George Michael. Mais um excelente lançamento do cantor, se colocando cada vez mais com uma referencia dentro do Pop Alt.

Dennis DJ part. MCG15 – Só Voce

Essa musica me deixou com sentimentos mistos, os momentos onde ela é mais Funk são bem agradáveis de ouvir e lembram bastante Funks com uma pegada melódica que ficaram popular a uns bons anos atrás com os Mc’s Marcinho, Leozinho e Sapão. Agora a parte que a musica toma uma linha mais pop com uma vibe bem EDM simplesmente não funciona, falta muita personalidade.

Marshmello feat. Juicy J & James Arthur – You Can Cry

Pop daqueles bem genéricos com um refrões melódicos e versos intercalados de Rap.

Elza Soares – Deus Há de Ser

Bem legal ver a Elza cantando em cima de uma produção bem moderna cheia de elementos eletrônicos e um instrumental bem agressivo. Vale à pena a audição.

Florence + The Machine – Hunger

Literalmente a mesma coisa que a banda apresentou antes, nada de novo. Se você é fã e não vê problema nessa estagnação do grupo, provavelmente vai gostar dessa musica.

Guns N Roses – Shadown Of Your Love

Sobra de estúdio de um disco lançado a mais de 30 anos, não vale nem a pena perder tempo comentando sobre.

BRAZA – Chama

Nesse lançamento, a banda sai um pouco da linha de musicas que já começam bem aceleradas. Som bem interessante, instrumental bem pesado, produção encaixando os elementos de forma correta e as letras sensacionais de sempre do BRAZA.

Detonautas Roque Clube part. Lucas Lucco – Por Onde Você Anda?

Detonautas mais Lucas Lucco em um Pop Rock acústico, isso aqui é extremamente nocivo para o futuro da humanidade.

Julia Michaels feat. Trippie Redd – Jump

Já cansei de vir aqui falar que a Julia Michaels é uma cantora com potencial, mas que só lança musica sem personalidade. Essa musica é só mais uma que se encaixa nessa descrição.

Tom Tripp – Loving You More

Mais uma faixa para mostrar o potencial do Tom, nessa musica o cantor apresenta uma mistura bem agradável de R&B e Dancehall que se encaixam perfeito com a voz dele.

UM44K – Nossa música

Não deveria ser de ninguém essa musica.

Charlie Puth – The Way I Am

Tem uns riffs de guitarra legais, o Puth ta bem nos vocais. Mas a musica não me desceu.

YUNGLUD – 21st Century Liability

Como ja havia demonstrado antes YUNGLUD é um artista que gosta de inovar e sempre fazer algo novo, nesse novo lançamento o cantor cria uma faixa que fica obvia a referencia de Rage Against the Machine e que se misturam bem com a salada de diferentes elementos Pops.

Mulher Filé – Segura essa pressão

Se você segurar a vontade de fecha a musica no primeiro minuto, segurar essa pressão vai ser fácil.

Maluma – Marinero

Não é tão comum vermos um Reggaeton acústico, e nessa musica é isso que o Maluma entrega. E entrega de uma boa forma, musica bem feita com o cantor mandando bem nos vocais.

Gallant – Doesn’t Matter

Que musica incrível essa lançada pelo Gallant, o cantor se destaca como de costume nas linhas vocais criando melodias fortes e que acompanham a bela cresente que a produção apresenta.

Hoobsastank – Push Pull

Uma mistura de um monte de elementos diferentes já bem batidos do Rock.

Travis Scott feat. Lil Uzi Vert & Kanye West – Watch

Por mais que eu não sou muito fã do Travis Scott, o som é bom. As participações e a produção com um beat pesado dão uma boa ajuda, mas não da pra negar que o rapper esta bem nesse som.

Thutmose feat. NoMBE – Run Wild

O flow acelerado do Thutmose coma produção super agitada do NoMBe misturando Soul e EDM casou de uma forma perfeita. E o resultado é uma musica daquelas que não da um minuto de descanso para o ouvinte.

Alice In Chains – The One You Know

Tem uns riffs de guitarra muito bem feitos, como já é se esperar da banda. Mas também não foge muito disso, achei todo o resto bem esquecível.

A$AP Ferg feat. Elle Fanning – Moon River

O objetivo dessa musica é pegar dois artistas tão diferentes e colocar para trabalhar junto em um musica. E objetivo deu muito certo, porque a musica é extremamente divertida, só uma pena ter uma duração tão curta.

Jimmy Eat World – Love Never

Que saudade que eu estava de ouvir musicas novas do Jimmy Eat World, que faixa sensacional. A banda consegue criar uma musica com peso e com muita sensibilidade ao mesmo tempo. Já pode mandar um disco novo que estou pronto.

Desiigner – Priice Tag

Preocupado com Desiigner, o cara não consegue mais formular uma frase nas musicas.

Joyner Lucas feat. Chris Brown – I Don’t Die

O Joyner como de costume destrói tudo nos seus versos,  e com um beat pesado fazendo bem a marcação em cima do flow dele ficou ótimo. Agora a participação do Chris Brown veio pra tirar muito dos méritos da musica, o cantor tentando mandar uns versos de Rap não funciona.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *