PIPE OFF: RPS 44# – Sia, Twenty One Pilots & Nicki Minaj

Nova edição do RPS no ar, essa semana entre os lançamento temos Sia, Twenty One Pilots, Nicki Minaj e muito mais. Então uma boa leitura a todos!

LSD(Labrinth, Sia & Diplo) – Thunderclouds

Não estava levando muita fé nesse projeto quando saiu o primeiro single, apesar de gostar muito dos nomes envolvidos. Mas conforme mais faixas foram liberadas, minha opinião mudou. Esse novo lançamento é bem interessante, podemos ver Diplo experimentado bastante na produção e misturando influências eletrônicas com ritmos de Soul. Enquanto Sia e Labrinth mostram o melhor de seus talentos em vocais bem na medida.

Mc Zaac – Que Maravilha

Zaac tem musicas melhores na sua setlist, mas ainda sim essa é um Funk valido. O estilo bem próprio do cantor sempre adiciona um elemento diferenciado nas faixas.

Jefferson Moraes part. Maraisa – Não Vai Dar Parte 3

Realmente não vai dar.

Twenty One Pilots – Levitate

Ainda não sei se a dupla encontrou a pegada que fez eles ganharem sucesso com o ultimo álbum, mas essa nova faixa sem duvida se aproxima mais do objetivo. Aqui podemos ver os caras se utilizando bem mais de elementos Pop, e criando um arranjo com muito mais atrativos para um Hit. No geral a musica é muito divertida e mantém a qualidade dos dois Singles anteriores.

Troye Sivan – Animal

A faixa em si não apresenta nada de muito novo, o cantor entrega mais um Pop Alt repleto de sintetizadores e versos melancólicos e apaixonantes. O talento de Troye é incrível e essa musica é só mais uma prova clara disso.

Pitty – Te Conecta

Ok, a pegada Dub na musica foi surpreendente. Mas como um Dub, ela é uma faixa bem padrão. Sem grandes destaques.

Nicki Minaj feat. Eminem & Labrinth – Majesty

Essa é realmente uma faixa muito boa, Nicki está muito bem em seus versos mostrando muita consistência e um lado seu que deveria ser mais explorado. Já as participações estão ótimas, Labrinth acerta tanto nas linhas vocais quanto na produção com um ar nostálgico e experimental. Mas é Eminem quem rouba a cena e entrega um ótimo verso, que consegue ser melhor que praticamente tudo do seu ultimo álbum.

Ton Carfi part. Mc Livinho – Minha Vez

Um belo dueto de R&B acústico, Ton cria um arranjo simples, mas bem consistente. Embora a participação de Livinho que fica com o destaque, o cantor mostra todo seu talento vocal e como tem amadurecido como artista.

Z4 part. Whindersson Nunes – Não Dá

Musica de uma banda formada para série do SBT junto de um Youtuber, não tem mesmo como dar.

Maluma – Mala Mía

Não é uma faixa ruim, mas o Maluma precisa urgentemente de umas musicas diferentes, os últimos lançamentos do cara parecem todos o mesmo.

Louis The Child feat. MAX – Dear Sense

É bem interessante como a dupla sempre consegue inovar, nessa musica eles fazem um Pop  com bastante influencia de Dance, criando uma musica muito divertida de ouvir. A Participação do MAX nos vocais é uma boa adição a faixa, já que o cantor vem com belas linhas vocais.

Alice Chains – Never Fade

O instrumental da musica é muito bem tocado como é de costume nas musicas da banda liderada por Jerry Cantrell, mas essa linha meio Hard Rock e Metal Alternativo que a banda se utilizou nessa faixa não me desceu. A utilização exagerada de versos muito melódicos acabou por tirar muito da qualidade da musica.

Gucci Mane feat. Lil Pump – Kept Black

Gucci Mane entrega versos bem padrões para quem já conhece seus trabalhos, mas o excelente beat acaba sendo o destaque da musica, as bem suaves linhas de flauta acabam casando bem com o grave pesado.

Elle King – Shame

A voz da incrível da Elle, junto de uma produção que consegue misturar elementos eletrônicos e alternativos com o Country resulta em uma musica bem fora do convencional dentro do Pop e que é extremamente satisfatória dentro de suas pretensões.

Tom Morello feat. Bassnectar, Big Boi & Killer Mike – Rabbit’s Revenge

Morello mistura seus riffs bem característicos com uma produção  EDM lembrando bastante das musicas de Rap Grime, mas infelizmente a mistura não é das mais interessante e acaba ficando maçante e não encaixa tão bem com os versos dos rappers.

Quavo – W O R K  I N M E

O mesmo padrão de musica que o Quavo faz no Migos, os versos aleatórios com um refrão bem chiclete para virar hit.

The O’My’s feat. Saba – Puddles

A dupla de produtores coloca toda uma vibe Soul com grooves bem suaves de bateria e linhas bem virtuosas de guitarras que dão uma cara de improviso para a musica e Saba dá a voz que a musica precisa gerando assim um belo casamento.

Ciara feat. Tekno – Freak Me

Ciara é mais uma artista Pop que abraçou o Dancehall, o problema é que como outros artistas a musica da cantora não traz nada de novo e é só uma repetição de elementos batidos do gênero.

Kane Brown – Weekend

Kane é realmente uma das grandes promessas do atual Country, a voz do cara é muito boa e os arranjos das musicas sempre levando para um Country mais suave e tradicional acaba por resultar em musicas com atrativos.

Skepta feat. Suspect & Shailan – Stay With It

O rapper nessa musica abraça um pouco mais o estilo mais tradicional de Rap e coloca seu Grime levemente em segundo plano, mostrando as intenções do cara de entrar de vez no mercado americano. A faixa é bem consistente Suspect e Shailan sustentam bem os versos iniciais e Skepta vem com tudo no refrão entregando bons versos e ganchos marcantes.

Aphex Twin – T69 collapse

Acredito que para quem já é fã a tempos do DJ talvez essa musica não tenha chamado tanta a atenção, por ser um pouco mais do mesmo. Mas eu sinceramente achei uma boa faixa com todos as quebra de ritmos e experimentações que uma boa musica do Aphex Twin precisa, sei que não é todo mundo que vai curtir essa bagunça sonora, mas acho valido recomendar.

Gallant feat. A$AP Ferg & VanJess – In the Room: Doesn’t Matter

Uma faixa incrível do primeiro ao ultimo segundo, os 3 artistas mostram muita química e a produção cheia de elementos é um show a parte. Podemos ver Gallant e VanJess fazendo basicamente um dueto cada um colocando o maximo de suas belas vozes enquanto Ferg vem com a parte mais crua e pesada da musica entregando versos marcantes que mostram toda a atitude do rapper.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *